CAPS II é reestruturado para passar a funcionar como CAPS III


Na manhã desta quinta-feira, 27, uma equipe da Secretaria de Saúde, liderada pelo secretário Hugo Sousa, visitou a reforma do CAPS II, que vem sendo preparado para se tornar CAPS III já com aprovação do Ministério da Saúde.

O local passou por pintura completa, instalação de dormitórios feminino e masculino, construção de banheiros externos, reforma dos consultórios, revisão na rede elétrica e hidráulica, reforma na cozinha, remoção dos entulhos, capina da área aberta, poda das árvores, reconstrução do muro de proteção, entre outros.

Este Equipamento conta com uma equipe especializada de profissionais incluindo médico psiquiatra, médico clínico, enfermeiros, farmacêutico, assistente social, psicólogos, músico terapeuta, técnicos de enfermagem, monitor de oficinas terapêuticas e pessoal de apoio.


O objetivo prioritário desse novo serviço é o atendimento de pessoas em intenso sofrimento psíquico decorrente de transtornos mentais graves e persistentes, incluindo aqueles relacionados ao uso de substâncias psicoativas, e outras situações clínicas que impossibilitem estabelecer laços sociais.


De acordo com o secretário municipal de Saúde, Hugo Sousa, "Itapetinga é a única cidade do interior da Bahia com população inferior a 200 mil habitantes, teto estipulado pelo Ministério da Saúde, que foi contemplada com esse Equipamento".
Comentários
0 Comentários