Ministério da Saúde aponta que uso de máscaras não será mais obrigatório para quem já se vacinou


O Ministério da Saúde analisa a desobrigação de uso de máscaras em alguns casos, nos próximos dias deve sair a recomendação, o presidente Bolsonaro havia solicitado o estudo incluindo quem já foi infectado e quem já se vacinou, mas segundo técnicos do ministério, nesse primeiro momento só serão liberados quem já se vacinou e o estudo continuaria acerca do uso de crianças e pessoas que já teriam se infectado e comprovassem o teste de anticorpos.

Outros pontos também seriam balizadores, entre esses critérios, está a taxa de ocupação de leitos pela Covid-19 na localidade, o cenário epidemiológico como o número de novos casos e curva de contágio e o avanço da imunização contra a doença.